Tornar presente Alexandria: metáfora, responsabilidade e julgamento em um texto de imprensa de Eça de Queirós

Breno Góes

Resumo


O presente trabalho tem como objetivo analisar a eficácia de certas escolhas estéticas que Eça de Queirós (1845-1900) faz em seu texto de imprensa “Os ingleses no Egito” (1882), nomeadamente sua opção por uma escrita metafórica. Procura descrever de que forma essas escolhas afastam o texto de um paradigma jornalístico típico, e os impactos de ordem política e moral advindos desse afastamento.


Palavras-chave


Eça de Queirós; jornalismo; metáfora; responsabilidade; julgamento.

Texto completo:

PDF

Referências


ARENDT, Hannah. Responsabilidade e julgamento. São Paulo: Companhia das Letras, 2004.

ASSASSINATOS em Alexandria. Gazeta de Notícias, Rio de Janeiro, p. 1, 13 jul. 1882.

BENJAMIN, Walter. O contador de histórias. In: ______. A arte de contar histórias. Tradução: Patrícia Lavelle. São Paulo: Hedra, 2018. p. 19-58.

BOMBARDMENT of the forts at Alexandria. The Times, London, p. 5, jul.12 1882.

BUESCU, Helena Carvalhão. Chiaroscuro: modernidade e literatura. Porto: Campo das Letras, 2001.

ITO, Giuliano. O Egito sob o domínio europeu: um olhar queirosiano. In: MARGATO, Izabel et. al. (orgs.). Realismo, realismos: objetos, escritas, efeitos. Rio de Janeiro: 7Letras, 2018.

JAKOBSON, Roman. Linguística e poética. In: ______. Linguística e comunicação. Tradução: Izidoro Blikstein e José Paulo Paes. São Paulo: Cultrix, 1969.

KANT, Immanuel. Crítica da faculdade de julgar. São Paulo: Vozes, 2016.

LAVELLE, Patrícia. Literatura, reflexão e semelhança: uma afinidade entre Benjamin e Ricoeur. Kriterion, Belo Horizonte, n. 139, p. 235-253, abr. 2018.

LIMA, Isabel Pires de. Os Orientes de Eça de Queirós. Semear, Rio de Janeiro, n. 1, p. 81-95, jan 1997.

LÍSIAS, Ricardo. Diário da catástrofe brasileira I: transição (3.a versão). Amazon,2018. E-book.

QUEIRÓS, Eça de. “O Egito”. In: ______. Obras de Eça de Queiroz. Porto: Lello & Irmão-Editores, 1979. v. III.

______. De Port Said a Suez. In: ______. Notas contemporâneas. Lisboa: Livros do Brasil, 2000.

______. Textos de imprensa IV (da Gazeta de Notícias). Lisboa: Imprensa Nacional-Casa da Moeda, 2002.

RICOEUR, Paul. Imaginação e metáfora. Psychologie Médicale, Paris, n. 14, p. 1-10, avr. 1982. Disponível em:

http://www.uc.pt/fluc/lif/publicacoes/textos_disponiveis_online/pdf/imaginacao_e_metafora. Acesso em: 4 set. 2018.

______. Prefácio. In: ______. Tempo e narrativa. São Paulo: Papirus, 1994.

______. A metáfora viva. São Paulo: Loyola, 2015.

STENDHAL. O vermelho e o negro. São Paulo: Cosac Naify, 2010.

THE CRISIS in Egypt. The Times, London, p. 3, may 17 1882.




DOI: https://doi.org/10.37508/rcl.2019.n42a292

Apontamentos

  • Não há apontamentos.



ISSN: 2316-6134

A Convergência Lusíada é uma revista do Centro de Estudos do


Licença Creative Commons
A Revista Convergência Lusíada utiliza uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.