Remetentes e destinatários: “Caríssimo Jorge”, “Querida Sophia”

Lucas Laurentino de Oliveira

Resumo


Este artigo procura traçar um fio entre a correspondência trocada pelos poetas portugueses Jorge de Sena e Sophia de Mello Breyner Andresen e seus poemas, cujos títulos carregam a palavra “carta”, tais como “Carta aos meus filhos sobre os fuzilamentos de Goya” e “Carta aos amigos mortos”. Com isso, pretende-se refletir sobre as implicações que decorrem da mescla de gêneros praticada pelos autores e como ela oferece uma visão testemunhal e crítica a respeito do presente dos poetas e suas relações com a censura, a repressão e as incertezas de um mundo porvir.

correspondência; Jorge de Sena; Sophia de Mello Breyner Andresen; testemunho.

Palavras-chave


correspondência; Jorge de Sena; Sophia de Mello Breyner Andresen; testemunho.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.



ISSN: 2316-6134

A Convergência Lusíada é uma revista do Centro de Estudos do


Licença Creative Commons
A Revista Convergência Lusíada utiliza uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.